Principal
Especiais
Placar Brasil
Papo de Box
Autódromos
Agenda
Galeria
Wallpapers
Fórmula 1
F-Indy
Fórmula 2
Fórmula 3
Fórmula Renault
Brasil
Stock Car
Endurance
Brasileiro de Marcas
Fórmula Truck
Europa
Estados Unidos
Rali
Kart
Placar Brasil
Memórias Velozes
Outros

Countdown Speed On Line
 
 
 
Marcas e Pilotos: um passeio pelo tempo
 
O Fiat 147 de Toninho da Matta, o primeiro campeão do Brasileiro de Marcas e Pilotos (Foto: Arquivo Napoleão Ribeiro)
Enquanto Antonio de Souza finaliza os preparativos para a volta do certame da categoria ? que sob a supervisão da Confederação Brasileira de Automobilismo vai ter dez corridas em 2004, a primeira delas no dia 21 de março, em São Paulo ?, nós vamos voltar no tempo, trazendo um pouco da história do ?velho? Campeonato Brasileiro de Marcas e Pilotos, que foi disputado entre os anos de 1983 e 1994.

O enfrentamento entre os modelos da Fiat (o 147) e Volkswagen (com o Voyage) marcou o ?ano 1? de disputas do Brasileiro de Marcas e Pilotos, que começou com a ?6 Horas de Interlagos?, no dia 6 de junho, e terminou também no circuito da capital paulistana, com a ?12 Horas?.

Pilotando um Fiat 147, a dupla paulista Luiz Paternostro/Xandy Negrão ganhou a ?6 Horas de Interlagos?, cabendo a vitória na segunda corrida, a ?12 Horas do Rio de Janeiro? - disputada no dia 10 de julho -, ao trio formado pelo mineiro Toninho da Matta, pelo carioca Jorge de Freitas, e pelo italiano radicado em São Paulo Giuseppe Marinelli.

Na ?12 Horas de Goiânia?, disputada no dia 31 de julho, o topo do pódio foi ocupado pelos gaúchos Paulo Hoerlle, Antônio Miguel Fornari e Carlos Pettry, que deram a terceira vitória consecutiva para os modelos 147 da Fiat no certame.

Veio a ?1000 Kilometros de Brasília?, prova realizada no dia 4 de setembro onde o triunfo foi da dupla formada pelos também gaúchos Renato Conill e Aroldo Bauermann, que conquistaram o primeiro triunfo para o modelo Voyage da Volks.

A penúltima corrida foi a ?12 Horas de Tarumã?, disputa ganha por Giuseppe Marinelli em dupla com o também paulista Claudio Girotto, com um Fiat 147. Finalmente a ?12 Horas de Interlagos?, prova disputada no dia 12 de novembro que os representantes de São Paulo Toni Rocha e Armando Balbi ganharam com um Voyage.

A festa pelo título, porém, teve sabor de pão de queijo, quer no certame de pilotos, onde quem levou a melhor foi Antonio da Matta, o ?Toninho? (pai do atual piloto da equipe Toyota de F-1 Cristiano), quer na marca, já que o troféu acabou indo parar em Contagem, na região metropolitana de Belo Horizonte, onde a Fiat havia se instalado em 1978.

Colaborou Napoleão Augusto Ribeiro
Jorge Kraucher

anterior Índice de notícias próxima
Enviar Imprimir  



Interlagos - um sonho de velocidade
Solfesta - Porque bons negócios dependem de uma viagem bem planejada

 


© Copyright 1998/2019 Speed On Line. Todos os direitos reservados